Pesquisar este blog

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

CARREIRA ALVIM DIVULGA O FURACÃO EM TEIXEIRA DE FREITAS NA BAHIA.

Foi muito gratificante a minha estada na Faculdade do Sul da Bahia (FASB), em Teixeira de Freitas, no último dia 14 deste mês, onde fui prestigiado por um auditório cheio e ansioso por saber a verdade sobre o Furacão, ocasião em que lancei o livro OPERAÇÃO HURRICANE: UM JUIZ NO OLHO DO FURACÃO (Geração Editoral). 
Nunca vi um povo tão acolhedor e ansioso por saber da verdade sobre a Operação Hurricane, montada pela Polícia Federal, mancomunada com o Ministério Público Federal e sob a jurisdição do Supremo Tribunal Federal, envolvendo dois magistrados (eu e o Des. Ricardo Regueira), que nada fizemos para denegrir a instituição a que servimos; diversamente do que passou na cabeça dos nossos algozes. 
Nessa oportunidade, conquistei a amizade da Desembargadora Luislinda Valois, do Tribunal de Justiça da Bahia, que foi a primeira juíza negra a ingressar no Judiciário brasileiro, e que proferiu palestra sobre o papel do negro na sociedade, lançando, na ocasião, o livro O NEGRO NO SÉCULO XXI.  
Pelos relatos que ouvi da Desembargadora Valois, pude constatar que a injustiça da Justiça não escolhe cor, quando se dispõe a agir contra seus magistrados, atingindo as nossas almas, no que temos de mais importante, que é a nossa honra e dignidade, independentemente da raça.
As imagens do evento estão espalhadas pelas redes sociais, onde poderão ser visualizadas.

Um comentário:

  1. Dr.Carreira foi uma honra poder ter recebido o senhor, um grande mestre, o qual nos trouxe um grande aprendizado através da sua história de vida juntamente com a Dr. Luislinda Valois, perceber que dependente de cargos, e poderes também passaram pela nossa injustiça, em um Brasil de corrupção muitas das vezes as pessoas que são justas, são julgadas injustamente. Obrigada por ter nos trago um grande conhecimento a nível acadêmico, agradeço a atenção e o carinho que teve por nós. Só fico triste por não ter adquirido o seu livro. Muito Obrigada, Kamilla Barros

    ResponderExcluir