Pesquisar este blog

domingo, 15 de janeiro de 2012

A TRANSPARÊNCIA OFUSCADA DA OAB NACIONAL QUE DEFENDE A TRANSPARÊNCIA DO PODER JUDICIÁRIO.

O Presidente nacional da OAB quer, segundo o Painel do jornal "Folha de S. Paulo" de hoje, mobilizar a CNBB e conseguir mais de um milhão de assinaturas pró-CNJ, em defesa da transparência do Poder Judiciário.
Ele poderia mais, e antes, contudo.
"Poderia, presidindo essa poderosa Corporação de Ofício, verdadeiro cartel que impede milhares de bacharéis de advogarem, monopolizando aquilo que se denominou de 'capacidade postulatória' (como se apenas os Advogados fossem capazes de postular...), abrir as contas de sua própria entidade." 
"Poderia dizer se recebe algum benefício enquanto está a frente dela. Se os demais Conselheiros da Seção Federal também recebem. E mais: se os presidentes e conselheiros estaduais percebem alguma benesse, a justificar disputas tão aguerridas pelo comando da entidade, nos mais diversos entes da Federação."
FONTE - Otávio Mangabeira , apud  Josaphat Marinho. Revista da Academia de Letras da Bahia, nº 37, 1991 , p. 36.

NOTA - Estes são dois "Poderias" apenas. Na próxima semana tem mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário