Pesquisar este blog

domingo, 15 de janeiro de 2012

O ÔNUS DA PROVA É DA ACUSAÇÃO.

"O livro do Carreira Alvim de fato impressiona. Não quero nem posso julgar aqueles que  julgam Carreira. Mas o livro impõe a eles que julguem com o máximo de cuidado e responsabilidade, quando não porque o réu é um jurista de envergadura. E não por ser desembargador, mas como qualquer pessoa humana em nação civilizada, impõe-se que o ônus da prova, além de qualquer dúvida razoável, seja da acusação.
Renato"
NOTA - Mensagem recebida pelo Facebook.

Nenhum comentário:

Postar um comentário