Pesquisar este blog

domingo, 8 de setembro de 2013

A JUSTIÇA AMERICANA E A BRASILEIRA


         Nos Estados Unidos, embora tenha o réu, no âmbito penal, direito constitucional de ser representado por um advogado, os litigantes não têm, na área cível, direito a tal representação, cabendo-lhes atuar na defesa do seu próprio direito. 
_________________________________________________________________
 
        NOTA: Nos Estados Unido, o advogado não é considerado essencial à administração da Justiça, como no Brasil.

Um comentário:

  1. Exatamente. Contudo, nobre desembargador, a Justiça nos Estados Unidos parece ser bem mais séria do que a do Brasil. Lá a coisa é diferente. Os direitos são respeitados. Os juízes são pessoas qualificadas, notadamente na Suprema Corte. Agora aqui... Um forte abraço. Wanderley Teixeira de Medeiros

    ResponderExcluir