Pesquisar este blog

sábado, 15 de setembro de 2012

DEPOIMENTO PRESTADO POR CARREIRA ALVIM, NO RIO DE JANEIRO, E QUE O CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA NÃO LEU.



PODER JUDICIÁRIO
TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA  REGIÃO                            (Audiência, 16/4/2010)
(Notas Taquigráficas  SAJ/CORTAQ)
___________________________________________________
DESEMBARGADOR FEDERAL JOSÉ EDUARDO CARREIRA ALVIM (REQUERIPO): Vamos seguir porque tem alguma coisa que a gente já falou.

.                                                                                                                                                                                                                                                                   
Aqui eles falam da ostentação de riqueza, de quantias milionárias que foram apreendidas.  Se, algum dia, eu voltar para este Tribunal, com a esperança que tenho, eu não faria isso, mas, gostaria de colocar no corredor o que apreenderam na minha casa. As pessoas não vão acreditar. É de duvidar que alguém, que tenha apreendido o que apreendeu, possa estar no exercício de uma função dessa.

Vamos lá prá frente. Há muita coisa aqui que procuro rebater na minha defesa. E, como é uma denúncia em relação ao grupo todo, então eu vou me ater à minha parte. O RICARDO REGUEIRA vai me perdoar, porque eu até sei muita coisa da história dele [coisas boas], mas; infelizmente, esse momento não é o oportuno.   

(Lê)

"Quarenta e quatro [pág.]:


O desembargador CARREIRA ALVIM.passou a ter contato com a organização através do seu genro e advogado, SILVÉRIO JÚNIOR, sendo responsável por decisões favoráveis ao grupo, obviamente, ligado ... "


Obviamente não se tem nem certeza. Até o óbvio, muitas vezes, nem é óbvio.

(Lê)

"... autorizações para abertura de bingos."

É incríve1! Como que ele não leu? O ANTONIO FERNANDO DE SOUZA não se deu ao trabalho de ler as coisas nas quais ele estava se baseando. Ele não viu que eu não dei nenhuma decisão para “abertura de bingo” e que a única, que a JULIETA dava e que eu dei, foi cassada pela LILIANE RORIZ.  
Exploração de máquinas caça-níqueis, diz ele. Afinal de contas, ele sabe. Vê-se que ele é muito mais visionário do que eu. Aqui ele diz que foi o SILVÉRIO JÚNIOR "meu genro que me cooptou”.

(Lê)

"Item 46:  
CARREIRA ALVIM foi cooptado pelo RICARDO REGUEIRA...”

E setenta e nove [pág.]... Eu acho que o Ministério Público deveria pedir para tirar essa denúncia e colocar outra, porque isso aqui é o teorema do absurdo.


(Lê)
                                                                                                                                          57

Nenhum comentário:

Postar um comentário