Pesquisar este blog

domingo, 3 de novembro de 2013

O LODO COMEÇA A VIR À TONA

(...) A Satiagraha revelou, em sua amplitude, o risco de atuar contra pessoas próximas a Serra. Se fosse a favor, haveria blindagem. E a comprovação foi o próprio comportamento do ex-Procurador Geral da República ANTÔNIO FERNANDO DE SOUZA. Ele retirou da AP 470 o principal financiador do mensalão – as empresas de telefonia controladas por Dantas --, escondendo dados levantados pelo inquérito da Polícia Federal. Foi premiado com contratos milionários da Brasil Telecom, e continuou vivendo vida tranquila.
Antes disso, o mesmo ANTÔNIO FERNANDO anulou a Operação Banestado, em uma atitude escandalosa que não mereceu uma reação sequer da corporação dos procuradores, menos ainda da mídia. (...)
Fonte: jornalista Luis Nassif.
____________________________________________________________
 
Este é o ex-Procurador Geral da República que ALTEROU conversas minhas com meu assessor, na ação penal do Furacão, para convencer o ex-ministro CEZAR PELUSO (que acreditou) que eu estivesse conversando com advogado de bingo.
O ex-ministro CEZAR PELUSO apareceu na semana passada, nas conversas da advogada de membros do PCC, informando haver negociado a transferência de penitenciária de narcotraficantes, e agora é a vez de ANTÔNIO FERNANDO DE SOUZA, no caso da ALSTON.
Estes são os meus ALGOZES, cujos perfis começam a ser postos à mostra para que a sociedade saiba “quem é quem” na justiça brasileira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário