Pesquisar este blog

domingo, 29 de janeiro de 2012

DESEMBARGADOR FREDERICO GUEIROS, ENTÃO PRESIDENTE DO TRF-2, PERMITE O GRAMPEAMENTO DO GABINETE DO VICE-PRESIDENTE DA CORTE.

"Como coordenador do curso, pensei em adiá-lo e trocar a data para mais adiante, mas isso não foi possível porque os convidados estrangeiros já haviam fechado a sua agenda de conformidade com o que fora divulgado, dando como datas definitivas os dias 7 a 9 de setembro de 2006.
Foi nessa época que, aproveitando a minha ausência do Rio de Janeiro, a Polícia Federal, com a autorização do ministro Cezar Peluso, do Supremo Tribunal Federal, e a permissão do desembargador Frederico Gueiros, então presidente do Tribunal, instalou um sistema de escuta no teto do gabinete da vice-presidência, porque, havendo uma sexta-feira prensada, não haveria expediente na Corte. Pelo menos, foi o que me foi informado, e confirmado por um qualificado servidor do Tribunal, na presença do desembargador Ricardo Regueira, morto por conta do maldito furacão."

(Trecho do livro OPERAÇÃO HURRICANE: UM JUIZ NO OLHO DO FURACÃO, encontrável em www.bondfaro.com.br)

Nenhum comentário:

Postar um comentário